Cidades

Construção da Barragem Lago de Fronteiras em Crateús tem ordem de serviço assinada

  • 25 set 2017
  • Senador Eunício Oliveira assina ordem de serviço para construção da Barragem em Crateús. Foto: Facebook


O presidente do Senado, Eunício Oliveira, e o ministro da Integração, Helder Barbalho, assinaram na sexta-feira (22/09), em Crateús, a ordem de serviço para o início das obras da Barragem Lago de Fronteiras. O equipamento é uma reivindicação antiga da população, a obra beneficiará mais de 150 mil pessoas.

A construção da barragem será fundamental para garantir a segurança hídrica de Crateús e cidades vizinhas. O Lago de Fronteiras avançou para se tornar realidade no início de julho passado, quando Eunício Oliveira assumiu interinamente por três dias a Presidência da República. Na ocasião, além de decretar a desapropriação das terras que receberão as águas, ele determinou prioridade ao Dnocs para a realização da obra, além de garantir os recursos no orçamento da União.

Segundo o Ministério da Integração Nacional, serão empregados cerca de R$ 294,4 milhões em recursos federais para a construção do Lago de Fronteiras, que terá a capacidade para acumular 488 milhões de m³ de água.

A Barragem Lago de Fronteiras trará muitos benefícios à região. Toda a população urbana e rural do município de Crateús e cidades próximas serão abastecidas pela obra. A água também será utilizada para a irrigação de aproximadamente 5 mil hectares de produção agrícola dos perímetros irrigados Platô Poty I e II, Realejo, Graça, Ampliação e Novo Oriente.

A obra ainda será usada para ações de piscicultura local e pelas indústrias. O empreendimento mudará o cenário socioeconômico, gerando empregos, renda e oferecendo melhor qualidade de vida para a população beneficiada.

Redação: Página Aberta

Compartilhar

Deixe um comentário