Cidades

Defesa Civil reconhece situação de emergência em Monsenhor Tabosa devido à seca

  • 04 maio 2017
  • Em mais um ano consecutivo a safra de milho e feijão está comprometida. Imagem divulgação


O Ministério da Integração Nacional reconheceu a situação de emergência em mais 61 municípios cearenses, nesta quinta-feira (4). No total, 94 cidades tiveram a situação reconhecida no estado.

Com a medida, publicada no Diário Oficial da União, as prefeituras poderão solicitar apoio federal para ações de socorro e assistência, restabelecimento de serviços essenciais e recuperação de áreas danificadas por desastres naturais. Entre as cidades que entraram para a lista está Monsenhor Tabosa, Catunda, Boa Viagem e Independência. A lista completa pode ser observada no DOU.

 No Ceará, os pedidos de ajuda se dão devido ao extenso período de seca, que foi levemente atenuada com as chuvas deste ano. A portaria tem vigência por 180 dias e segue critérios fixados pela Defesa Civil nacional.

Além de viabilizar o fornecimento de água tratada à população, por meio da Operação Carro-Pipa, a medida também permite o acesso a outros benefícios, como a renegociação de dívidas no setor de agricultura junto ao Banco do Brasil e o apoio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social para a retomada da atividade econômica nas regiões afetadas. O auxílio federal complementa as ações do estado e dos municípios.

PEQUENA PRODUÇÃO

Para o Secretário Municipal de Agricultura do município de Monsenhor Tabosa – CE, Sérgio Monteiro, as chuvas que caíram no município este ano, embora melhor distribuídas em relação aos dois últimos anos, ficaram bem abaixo da média. “Vamos ter uma pequena produção na área que fica em cima da serra, no entorno da cidade, as demais localidades será praticamente zero”, informa.

Outra situação preocupante é com relação à água, o açude que abastece a cidade recebeu uma recarga mínima de pouco mais de dois metros. O município está sendo abastecido através de poços profundos.

Por Dorismar Rodrigues

Compartilhar

Deixe um comentário