Cidades

Sindicato dos Servidores Públicos presente na 13ª Plenária Estatutária da CUT-CE

Página Aberta – Notícia com Propósito
 O seminário debate conjuntura, estratégias, plano de lutas e o futuro da classe trabalhadora. Foto: CUT/CE


Fortaleza: A Central Única dos Trabalhadores no Ceará (CUT-CE) realizou durante toda a sexta-feira (9/6) e parte do sábado (10/6) sua 13ª Plenária Estatutária, simultaneamente ao seu I Congresso Extraordinário e Exclusivo. Sob o lema 100 anos depois… A luta continua! Nenhum direito a menos! As atividades foram realizadas na sede do Sindicato dos Bancários do Ceará, no Centro de Fortaleza, e também relembram o centenário da 1ª greve geral no Brasil e da Revolução Russa. O caráter central do Congresso é dar seguimento à construção da estratégia de lutas da classe trabalhadora para o próximo período, para enfrentar o golpe em curso no Brasil e as reformas neoliberais.

Centenas de delegados e delegadas de todas as regiões do estado do Ceará participaram do Congresso. São representantes de todo o movimento sindical cutista (cerca de 300 sindicatos filiados). Incluindo ainda representações de movimentos sociais do estado que compõem a Frente Brasil Popular.

Dentre os sindicais filiados participantes esteve o Sindicato dos Servidores Públicos de Monsenhor Tabosa, representado pela sua presidente Antônia Claudino Silva Gomes (Dedé). “Temos que continuar deixando claro, que estamos atravessando um dos momentos mais cruciais da história da classe trabalhadora e da sociedade brasileira, nesse contexto, temos o direito e o dever de lutar de forma incansável contra a corrupção e outras mazelas que afetam nosso país para reverter esse processo”, afirmou Dedé.

“É um grande debate sobre conjuntura, estratégias, plano de lutas e o futuro da classe trabalhadora. Nossa palavra de ordem é, sobretudo, resistir. Diretas já!”, enfatizou o presidente da Central estadual, Wil Pereira, também coordenador-adjunto do Congresso.

Edição: Página Aberta
Com informações da CUT/CE

Deixe seu Comentário

Sua opinião é muito importante para nós, participe.

Relacionadas

Confira outras notícias da categoria.