Polícia

Operação policial apreende drogas e armas nas cidades de Santa Quitéria e Nova Russas

  • 01 ago 2017
  • A maioria dos detidos já possuem passagem pela Policia. Foto: Polícia Militar


Uma operação policial realizada nesta segunda-feira (31), nas cidades de Santa Quitéria e Nova Russas, resultou em prisões, apreensão de menores de idade, armas, drogas, munições, celulares e dinheiro.

No bairro Flores, em Santa Quitéria, policiais apreenderam 3 adolescentes, um revolver cal. 38, 06 munições intactas, mais 13 munições, 60 papelotes de cocaína, 21 papelotes de crack, uma faca, várias giletes, e várias trouxas de maconha prontas para serem vendidas. Um dos adolescentes confessou uma tentativa de homicídio ocorrido na noite do dia 27/07/2017 e que todos fariam parte da facção criminosa chamada COMANDO VERMELHO (CV). Todos foram encaminhados para a DPC de Santa Quitéria, onde foram autuados no art. 33; art. 16; art. 2° da Lei de Organização Criminosa.

Durante as investigações na Delegacia de Polícia Civil de Santa Quitéria, a Polícia descobriu que outros integrantes da quadrilha estariam na cidade de Nova Russas. Policiais do COTAR deslocaram-se até aquele município e acabaram prendendo em uma residência, dois homens, apreenderam dois adolescentes do sexo masculino e três jovens do sexo feminino que também estariam na residência  no momento da abordagem.

Na casa, policiais apreenderam o seguinte material: Um revólver calibre 38 marca Taurus, oxidado; uma pistola bersa oxidada de fabricação Argentina; uma espingarda calibre 12; 8 munições intactas calibre 38; 6 munições intactas calibre 380; 17 munições intactas calibre 12; uma balança de precisão; 6 aparelhos celulares; 2,045 kg de maconha e ainda a quantia de R$: 107,50 reais em dinheiro.

Todos foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil em Crateús e apresentados ao Delegado plantonista que realizou os procedimentos cabíveis. Segundo informações alguns dos envolvidos são de da cidade de Sobral e Fortaleza, e estariam na região a fim de cometerem crimes diversos. A maioria já tem passagens pela Polícia.

Compartilhar

Deixe um comentário